novembro 20, 2017

970×90

Apresentação única de “Memórias do Samba – Uma homenagem a Cartola”, acontece no Cine Teatro de Lauro de Freitas no dia (11)

Apresentação única de “Memórias do Samba – Uma homenagem a Cartola”, acontece no Cine Teatro de Lauro de Freitas no dia (11)

Um reconhecimento à história musical do Angenor de Oliveira (Cartola). Uma das grandes referências como compositor brasileiro e considerado por músicos e críticos como o maior sambista da MPB. Na década de 30, canções suas foram imortalizadas através de ilustres vozes como: Araci de Almeida, Carmen Miranda, Francisco Alves, entre outros. Um show com a interpretação da cantora baiana Wil Carvalho e intervenções cênicas do ator Diogo Lopes Filho, em apresentação única no Cine Teatro Lauro de Freitas (Lauro de Freitas/BA), no próximo dia 11, às 20h.

Cartola nasceu no Rio de Janeiro em 11 de outubro de 1908 e morou até os 11 anos no Catete, de onde se mudou por problemas financeiros. De lá, sua família seguiu para o morro da Mangueira. O Mestre já era envolvido com a música e desfilava desde os oito anos nos blocos carnavalescos da época. Foi um dos sete fundadores da Estação Primeira de Mangueira, assumindo a função de Diretor de Harmonia da escola, em que permaneceu até fins da década de 1930. Compôs o primeiro samba da escola: “Chega de Demanda”. Sofreu uma série de dificuldades, como a morte prematura da mãe, Dona Aida, e a severidade do pai, que o expulsou de casa aos 17 anos. A partir de então, o refúgio do Mestre tornou-se o samba e a vida boêmia.

Para Fábio Barros, que assina o Roteiro e a Direção Artística do show: “O Mestre Cartola foi um grande artista que teve seu merecido destaque na música brasileira e que representa tantas outras histórias de luta, superação, dificuldades e de inserção ativa do indivíduo na sociedade. No samba, quando se trata de lidar com a sua vertente popular cantada, é preciso incorporar um outro grande componente: a poesia, criando o processo sucessivo de difusão de grandes histórias, as quais jamais poderão deixar de ser revitalizadas no século atual. O samba é um elemento de conexão da identidade nacional. Cabe-nos revitalizar o seu processo histórico, sua criação e os personagens que fizeram dessa forma de resistência um meio de contato de diferentes grupos sociais. Valorizar a cidadania, a liberdade, a participação na sociedade, a assistência sociocultural e a revitalização da cultura brasileira precisam fazer parte de nossas metas enquanto produtores e ativistas culturais. Precisam ser pilares e premissas de todos nós, utilizando a criatividade, contemporaneidade, a tradição, irreverência e a proximidade com o público alvo”.

Os delicados arranjos e a direção musical são assinados por Duarte Velloso, que executa o simbólico instrumento musical de destaque da época aos tempos atuais, o violão. Grandes músicos, de destaque nacional, fazem parte do show: André Becker (sax e flauta), Jelber Oliveira (acordeon e teclados), Marcos Neri (bateria) e Ronaldo Borges (contrabaixo). O cenário e a ambientação cênica são do artista plástico Ale Corpani. A Iluminação, assinada pela Lithing Designer Fernanda Mascarennhas. O Roteiro, Direção Artística e Produção Executiva é assinada por Fábio Barros.
O projeto tem a realização da FB4 Produções & Eventos, com o apoio institucional do Governo do Estado, através do Ocupe Seu Espaço e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. Um show simplesmente imperdível.

SERVIÇO

DATA: 11/11/2017 (sábado) HORÁRIO: 20h INGRESSOS: R$ 30 (inteira) | R$ 15 (meia) VENDAS: bilheteria ou na plataforma online do Ingresso Live.Com LOCAL: Cine Teatro Lauro de Freitas – Lauro de Freitas (BA) INFORMAÇÕES: (71) 3288-8351 | 99278-9620

abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde