junho 25, 2017

970×90
970×90

Falta de comunicação nas mudanças de nomes das ruas gera descontentamento dos moradores do Miragem em Lauro de Freitas

Falta de comunicação nas mudanças de nomes das ruas gera descontentamento dos moradores do Miragem em Lauro de Freitas

Com a nova configuração dos bairros de Lauro de Freitas conforme a Lei Municipal 1.596 de 19 de novembro de 2015, que redefine os bairros e logradouros da Cidade, a Prefeitura iniciou a troca das placas antigas por novas.

A surpresa foi que algumas ruas mudaram de nome e os moradores não sabiam que isso ocorreu nem o motivo. Alguns se surpreenderam com a nova placa. Isso ocorreu ontem no Loteamento Miragem em Buraquinho. Outra informação importante é que Miragem não é bairro e sim uma localidade do bairro de Buraquinho. Dado que precisa ficar claro, pois muitos moradores em correspondências colocam no item bairro o nome Miragem.

Uma das justificativas dada na época da edição da Lei é que as ruas passariam a ter CEP, um grande benefício por sinal, porém como se observa nas novas placas que a Prefeitura colocou ainda não tem o CEP no espaço destinado. Então por que colocou essas placas incompletas? A Prefeitura vai gastar um novo dinheiro pra colocar com o CEP depois?

Ora, essa falta de organização na gestão municipal só faz onerar o erário público e o desperdício de recursos.

Outro problema é a falta de comunicação. Os órgãos responsáveis deveriam se articular com a Associação de Moradores de cada bairro para uma ampla divulgação, via redes sociais dos bairros, principalmente sobre as ruas que mudaram de nome. Isso seria uma demonstração de zelo, cuidado e respeito para com o Munícipe, que honra com suas obrigações, pagando os impostos municipais.

Por exemplo a AMOM – Associação de Moradores do Miragem que é muito atuante e articulada poderia ter sido convidada para essa campanha informativa. E isso não ocorreu, mostrando que os Gestores não sabem ou não querem mobilizar a comunidade via sua representação. Essa parceria entre Poder Público, Sociedade Civil Organizada e Comércio (Poder Econômico) é fundamental para a consolidação do projeto democrático e para o Desenvolvimento Sustentável das Comunidades e das Cidades.

Não conheço a realidade dos outros bairros da Cidade, se a Prefeitura já fez a troca das placas. Se ainda não o fez, sugiro que os responsáveis repensem essa prática e lembrem que nas ruas moram pessoas, Seres Humanos, que estão acostumadas com o nome de sua rua. Que essa mudança provocará algumas implicações. Portanto requer uma organização e uma eficaz comunicação.

Respeito é bom e o Munícipe gosta. Pensem nisso!

Por Eduardo Andrade, colaborador do LF News

abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

1 comentário

  1. MANUELA

    E o que dizer de um local que não temos o direito de receber nossas correspondências por que simplesmente dizem que está fora do perímetro urbano, é justo pagar IPTU e não ter direito a um endereço? Se minha casa não consta para cadastrar deveria não constar para pagar imposto né.
    Até quando teremos que sofrer com esse absurdo prefeitura?

    Resposta

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde